Proteção Radiológica || EPI Radiologia: conheça os principais equipamentos de proteção radiológica
Blog

EPI Radiologia: conheça os principais equipamentos de proteção radiológica

EPI Radiologia: conheça os principais equipamentos de proteção radiológica

Verdade é que o uso da radiologia oferece uma série de vantagens para a vida humana, como a facilitação de diagnósticos por imagem, por exemplo, por isso a importância da proteção radiológica. Mas por outro lado, ela também oferece uma série de riscos para a saúde causados pela exposição indevida. 

Felizmente é possível diminuir e até mesmo acabar com os riscos com equipamentos de proteção radiológica.  

Essa é justamente a finalidade dos EPIs, Equipamentos de Proteção Individual. O uso deles é obrigatório por técnicos, enfermeiros, médicos, pacientes, acompanhantes, etc. Também é necessária a plicação do levantamento radiométrico.

Qualquer pessoa que tenha que de menor ou maior maneira se expor à radiação se beneficia do uso desses tipos de acessórios de proteção radiológica. 

Mas antes de saber mais sobre EPI de Radiologia, vamos entender um pouco mais sobre os princípios da radioproteção

Tempo, Distância e Blindagem

Na tentativa de minimizar o perigo da exposição à radiação, é preciso ficar de olho em 3 fatores principais: tempo, distância e blindagem. 

A preocupação quanto ao tempo é devido ao fato de que quanto maior for o tempo de exposição, maiores são os riscos. E é por isso que a jornada de trabalho de quem trabalha na área também costuma ser reduzida e a duração da exposição deve ser controlada com rigor. 

Quanto à distância, o motivo é que assim como o calor de um incêndio diminui à medida que você se afasta dele, a dose de radiação diminui drasticamente à medida em que se aumenta sua distância da fonte.

Por último a blindagem, na qual consiste a grande maioria dos equipamentos de proteção radiológica.  

Barreiras de chumbo, concreto ou água fornecem proteção contra raios gama penetrantes, uma forma de radiação ionizante composta de pacotes de energia sem peso chamados de fótons.

Os raios gama podem passar completamente pelo corpo humano e à medida que passam podem causar danos ao tecido e ao DNA. 

Os raios X são capazes de passar completamente pelo corpo humano. Radiografias médicas são a maior fonte individual de exposição à radiação provocada pelo homem. 

É por isso que certos materiais radioativos são armazenados sob a água ou em salas de concreto ou revestidas de chumbo. 

Inserir a após o calculo de blindagem adequada entre você e uma fonte de radiação reduzirá ou eliminará a dose recebida, fornecendo segurança. 

Equipamentos de Proteção Radiológica

Apesar da contaminação por radiação ionizante em baixas doses ser indolor e relativamente demorada, os riscos são reais e devem ser levados a sério para poderem ser devidamente evitados. 

Atualmente existem uma série de opções de EPIs de radiologia que visam a segurança dos profissionais e pacientes. Os principais são:

Avental de chumbo ou plumbífero

A vestimenta plumbifera é uma espécie de manta de chumbo que cobre a região torácica e abdominal dos pacientes e operadores durante a realização de exames radiográficos. São capazes de reduzir ao máximo as dose de exposição à radiação

Óculos plumbíferos

Assim como os aventais, também são um equipamento feito de chumbo. Porém a substância é misturado ao vidro. O objetivo é proteger os olhos e melhorar a visibilidade durante exames radiológicos.

Protetores de gônadas 

A radiação infelizmente é muito prejudicial à fertilidade, tanto de homens quanto de mulheres. Pensando nisso, os protetores de gônadas foram desenvolvidos como solução para a proteção dos aparelhos reprodutores femininos e masculinos. 

Protetores de tireóide

Assim como os aparelhos reprodutores, a glândula da tireóide também pode ser muito afetada pela radiação. Para evitar esse risco são utilizados os protetores de tireóide, geralmente em forma de colar, pendurados ao redor do pescoço. 

Empresa de Proteção Radiológica

Estes citados acima são os principais EPIs de radiologia disponíveis. Além deles, é imprescindível que se conte com a ajuda e orientação de uma empresa de proteção radiológica para prezar pelo bem estar de pacientes, funcionários e do meio ambiente.

E é exatamente isso que a Proteg faz, sendo referência nos serviços de proteção radiológica há anos. 

Seguimos rigorosamente todos os parâmetros estabelecidos pelo Colégio Brasileiro de Radiologia e Diagnóstico por Imagem (CBR), todas as legislações vigentes, a CNEN – Comissão Nacional de energia Nuclear NN3.01 e Portaria 453/98 do Ministério da Saúde.

Leia mais sobre a Importância da Segurança no Raio X neste post e navegue pelo nosso blog para saber tudo sobre proteção radiológica.